domingo, 28 de agosto de 2011

O meu amor




...
Tem trinta mil cavalos
A galopar no peito quando a seu lado eu me deito.

Jorge Palma