quarta-feira, 16 de junho de 2010

segunda-feira, 14 de junho de 2010

O que vai ser

hoje nem dormi a tentar entender
entre o que eu sinto e o que eu te digo
o que é feito de nós
e o que vai ser

Manel Cruz

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Fugas


Aprendi a abandonar-me por completo, e ficar a ver-me, como uma imagem que tivesse fugido de um espelho mas o levasse comigo no bolso mais interior.
É uma prática esquisita e perigosa, sei-o muito bem, mas não conheço melhor forma de viver

Luis Ene

terça-feira, 8 de junho de 2010

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Abraça-me

Deve haver um lugar onde um braço
E outro braço sejam mais que dois braços



Eugénio de Andrade

domingo, 6 de junho de 2010

Abandono


Porque hoje a noite me parece uma invenção em aberto
sobre a cama abandono palavras
Tenho o tempo nas pálpebras
Assim, quando alguém me perguntar pelo sentido da insónia
Eu, parada no meio do quarto,
direi que não sabia que na solidão se grita alto
para sobreviver ao medo

Maria Sousa

quarta-feira, 2 de junho de 2010

As time goes by


You must remember this
A kiss is still a kiss
A sigh is just a sigh
The fundamental things apply
As time goes by