sábado, 5 de fevereiro de 2011

Esta noite




... A tua distância é a minha morte,
o meu suplício de entreabrir portas
que dão para o vazio das grandes ausências.
...
e não sei o que te diga,...
Esta noite dás-me a medida
do desamparo pleno que em mim se acolhe.



José Jorge Letria

2 comentários:

  1. Versos encantadores, Magnolia!
    Ah, o vazio das grandes ausências...
    Grata, querida, por mais este presente tão cuidadosamente escolhido.
    Imenso abraço.

    ResponderEliminar
  2. Hoje caí-me que nem ginjas... infelizmente...

    Beio, Mag... boa semana!

    ResponderEliminar